A Escola do Coração
O lar, na essência, é academia da alma.
Dentro dele, todos os sentimentos funcionam
por matérias educativas.
A responsabilidade governa.
A afeição inspira.
O dever obriga.
O trabalho soluciona.
A necessidade propõe.
A cooperação resolve.
O desafio provoca.
A bondade auxilia.
A ingratidão espanca.
O perdão balsamiza.
A doença corrige.
O cuidado preserva.
A renúncia liberta.
A ilusão ensombra.
A dor ilumina.
A exigência destrói.
A humildade refunde.
A luta renova.
A experiência edifica.
Todas as disciplinas referentes ao
aprimoramento do cérebro são facilmente
encontradas nas universidades da Terra,
mas a família é a escola do coração,
erguendo entes amados à condição
de professores do espírito.
E somente nela conseguimos compreender
que as diversas posições afetivas,
que adotamos na esfera convencional,
são apenas caminhos para a verdadeira
fraternidade que nos irmana a todos,
no amor puro, em sagrada união,
diante de Deus.
***Emmanuel ***

Anúncios